• cursos e eventos da escrevedeira

    fique de olho nas novidades que acontecem por aqui

    FORMAÇÃO EM MEDIAÇÃO DE CLUBES DE LEITURA – MÓDULO INTRODUTÓRIO

    com Janine Durand e Luciana Gerbovic

    Surgidos na Inglaterra há muito tempo, os clubes de leitura chegaram ao Brasil neste século XXI e já provaram ser uma forma simples e poderosa de transformação. Por meio da literatura, os clubes propiciam aos leitores um espaço democrático de escuta, fala e troca de experiências, envolvendo simultaneamente alteridade e pertencimento. Mediar um clube de leitura é também uma arte, capaz de pequenas revoluções que nos devolvem uma cota de humanidade, ampliando laços e sentidos sociais. Destacando a abordagem literária, a preparação do trabalho de mediação e as dinâmicas das rodas de leitura, esse módulo introdutório alia teoria, prática e metodologia dialógica para quem deseja se conectar ao movimento de mediação de clubes de leitura.

     

    27 de janeiro,
    3 e 10 de fevereiro, segundas
    19h às 22h

    R$ 400
    (20% para professoras e professores)

     

    Janine Durand é educadora, fundadora da Jnana Consultoria – Educação, Cultura e Redes e colunista da revista Emília. Com experiência na implantação de mais de uma centena de clubes de leitura, é articuladora do Programa Remição em Rede e líder do Comitê de Cultura do Grupo Mulheres do Brasil, que forma mediadoras de clubes de leitura.

     

    Luciana Gerbovic é advogada, professora e mediadora de diversos clubes de leitura em entidades e espaços públicos e privados. Co-gestora do Programa Remição em Rede e líder do Comitê de Cultura do Grupo Mulheres do Brasil. Com Flavio Cafiero, coordena mensalmente o clube de leitura da Escrevedeira.

    LITERATURA PARA QUALQUER LEITOR

    Este curso também será transmitido online*

    com Noemi Jaffe e Pedro Pacífico

    Muitas pessoas gostam de ler, mas não sabem muito bem como escolher um livro que as agrade. Outras ainda gostariam de ler mais, de ler livros de que já ouviram falar, ou até mesmo de adquirir esse hábito, mas não sabem direito por onde começar. Neste breve curso, Pedro Pacífico e Noemi Jaffe mostram em que se deve prestar atenção na hora de escolher um livro e conversam sobre algumas noções básicas e importantes sobre o variado mundo da literatura. Os temas incluem dicas para manter o hábito da leitura, para identificar uma boa tradução, além de muitas outras, tornando-se um leitor mais atento às características das obras durante uma leitura. E, acima de tudo, o importante é não ter receio: nem do erro e nem da Academia. Ler é para todos, o tempo todo e de muitos jeitos.

     

    31 de janeiro, sexta

    14h às 18h

    R$ 250

     

    Noemi Jaffe é doutora em Teoria Literária pela USP, autora de, entre outros, Folha Explica Macunaíma (Publifolha, 2001), A Verdadeira História do Alfabeto (Cia. das Letras, 2012, prêmio Brasília de Literatura), O Que os Cegos Estão Sonhando? (Ed. 34, 2012) e Não Está Mais Aqui Quem Falou (Cia. das Letras, 2017, prêmio Biblioteca Nacional).

     

    Pedro Pacífico é formado em Direito pela USP e responsável pelo @Book.ster, um dos maiores perfis brasileiros do Instagram dedicado à literatura, que oferece diariamente a mais de 134 mil seguidores dicas, resenhas e comentários sobre suas experiências como leitor. Tem também um site e um canal no YouTube e dá palestras sobre literatura.

    A FICÇÃO CIENTÍFICA É AGORA

    com Antônio Xerxenesky

    Já estamos vivendo numa ficção científica, declarou o escritor William Gibson, além de outros também atentos ao nosso atual estágio técnico. De qualquer forma, a produção literária do gênero segue forte, abordando como a tecnologia impacta de várias maneiras a vida em sociedade. A difusão de distopias escancara um pessimismo quanto ao futuro e traz questões contemporâneas muitas vezes ignoradas pela literatura realista. O curso apresenta os fundamentos da ficção científica e os mecanismos internos do gênero, propondo em seguida, em aulas práticas, a escrita de um conto sci-fi, com acompanhamento do professor e sua discussão conjunta pelos participantes.

     

    11 e 18 de fevereiro

    3 e 10 de março, terças

    19h30 às 21h30

    R$ 390

     

    Antônio Xerxenesky é doutor em Teoria Literária pela USP, escritor e tradutor. Autor de Areia nos Dentes (Rocco, 2014), F (Rocco, 2014, finalista do Prêmio São Paulo de Literatura) e As Perguntas (Companhia das Letras, 2017), também colabora com revistas e jornais como Folha de S. Paulo. Traduziu, entre outros, livros de Mario Levrero e Adolfo Bioy Casares.

    ESCREVER APRENDE-SE ESCREVENDO – OFICINA DE ESCRITA MÓDULO BÁSICO

    com Luana Chnaiderman

    Escrever aprende-se escrevendo. A partir dos princípios fundamentais da narrativa breve, a oficina propõe aos participantes exercitar a escrita literária e progressivamente adquirir fluência, com diferentes meios de arquitetar e criar histórias, trabalhando a observação, a imaginação e a atenção à própria experiência. Escrever também aprende-se lendo bastante. A oficina prevê a leitura e a discussão de diversos textos literários e teóricos que proporcionam a ampliação do repertório de temas e de técnicas, assim como da capacidade de percepção do que vai sendo produzido pelos participantes ao longo dos encontros. Escrever aprende-se lendo e relendo o que foi escrito, para si mesmo e para os outros. Os textos criados durante o curso são discutidos em leituras e análises compartilhadas, com base em critérios claros, estabelecidos nos exercícios e nas leituras programadas. Os encontros pretendem ser um espaço criativo de acolhida, onde serão oferecidos percursos para que as palavras de cada um possam aparecer, correr e formar histórias.

     

    11 de fevereiro a 9 de junho, terças

    19h30 às 21h30

    4 parcelas mensais de R$ 440

     

    Luana Chnaiderman é graduada e pós-graduada em Letras pela USP. É professora de Português, trabalhando também com formação de professores e oficinas literárias, e autora dos livros Minhocas (Cosac Naify, 2014), Fuga (FTD, 2017) e Os Animais Domésticos e Outras Receitas (Perspectiva, 2018, semifinalista do prêmio Jabuti).

    LITERATURA E CINEMA

    com Daniel Augusto

    Não é segredo que, desde o seu nascimento, o cinema mantém relações estreitas com a literatura. Não só nas muitas adaptações de obras literárias para a tela, mas também nas próprias estruturas da narrativa ou da poética cinematográfica. Destinado principalmente a quem não tem formação específica em cinema e literatura, o curso aborda aspectos dessa relação, tais como a adaptação, o papel do narrador, a narração sumária e a cena, subjetividade e objetividade, divisão de gêneros, o lugar da imagem e o da palavra. As aulas utilizam exemplos de filmes e livros, vistos em conexão com a crítica literária e a filosofia. Nomes como Pasolini, Godard, Scorsese, Proust, Piglia, Bazin, Rancière, Didi-Huberman, entre outros, fazem parte das referências trabalhadas no curso.

     

    11 e 18 de fevereiro

    3 e 10 de março, terças

    19h30 às 21h30

    R$ 390

     

    Daniel Augusto é pós-graduado em literatura e filosofia pela USP. Diretor de cinema, com filmes como o longa-metragem Albatroz (2019) e o curta O Sinaleiro (2015), e de várias séries para a televisão como Incertezas Críticas (com Noam Chomsky, Zygmunt Bauman e outros), O Tempo e a Música – Depois do Fim da Canção, exibidas no canal Arte 1, e Mapas Urbanos, no canal Curta!, também é autor do romance Nem o Sol Nem a Morte (Nós, 2019).

    NÃO-FICÇÃO PARA UMA REALIDADE PÓS-MODERNA

    palestra com Ingrid Fagundez

    Em tempos de fragmentação e mesmo de caos, nos quais o noticiário parece mais estranho do que os livros de ficção científica, a não-ficção literária oferece formas híbridas, que muitas vezes misturam biografia, memória, jornalismo, ensaio, escrita de viagem e poesia, produzindo tentativas cada vez mais sofisticadas de capturar o real. Seria a colagem de fatos, histórias e referências diversas, mais do que um retrato possível da contemporaneidade, o ideal?

     

    12 de fevereiro

    19h30

     

    entrada franca

     

    Ingrid Fagundez é formada em Jornalismo pela UFSC e pós-graduada em Biografia e Gêneros de Não Ficção pela University of East Anglia. Foi repórter da Folha de S. Paulo e do serviço brasileiro da BBC, escrevendo sobre política e comportamento. Atualmente é professora de não ficção literária da pós-graduação em formação de escritores do Instituto Vera Cruz.

    A ARTE E O DESASTRE DO ROMANCE

    com Joca Reiners Terron

    Os tratados mais conhecidos sobre a técnica da ficção em geral abordam o que chamam de “a arte do romance”. Mas como lidar com o desastre, o acaso ou mesmo o desconhecido, aspectos tão fundamentais no processo da escrita literária de longo curso? Afinal a literatura é repleta de convenções arraigadas e de caminhos sem ponto de chegada. E como prosseguir? A oficina, que também realiza acompanhamento de projetos de romance, destina-se àqueles dispostos a descobrir que a arte literária, para ser arte, precisa também saber escapar das normas e da mera correção.

     

    12 de fevereiro a 10 de junho, quartas

    19h30 às 21h30

    4 parcelas mensais de R$ 440

     

    Joca Reiners Terron é escritor, com diversos livros publicados de poesia e prosa, entre eles a coletânea de contos Sonho Interrompido por Guilhotina (Casa da Palavra, 2006) e os romances A Tristeza Extraordinária do Leopardo-das-Neves, Noite Dentro da Noite e A Morte e o Meteoro (Companhia das Letras, 2013, 2017 e 2019).

    ESCREVER, COMO E POR QUÊ: UMA DR COM OS MESTRES

    com Sérgio Rodrigues

    Escrever – especialmente literatura, mas não só – é uma das atividades humanas mais investigadas e, apesar disso, obscuras. Somerset Maugham disse haver três regras para escrever, pena que ninguém saiba quais são elas. Cada escritor precisa modelar seu próprio conjunto de valores. Mais do que uma oficina, o que se propõe aqui é uma DR sobre o que, no arsenal de conselhos literários da história, pode funcionar ou não para cada um. Partindo dessas considerações Sérgio Rodrigues fala de diferentes processos criativos e debate com os participantes as lições que se provaram úteis em seu próprio trabalho.

     

    14 e 15 de fevereiro, sexta e sábado

    10h às 13h

    R$ 300

     

    Sérgio Rodrigues é escritor, jornalista e roteirista. Autor de livros de ficção, entre eles O Drible (2013, prêmio Portugal Telecom) e A Visita de João Gilberto aos Novos Baianos(2019), e de não ficção, como Viva a Língua Brasileira! (2016), publicados pela Companhia das Letras, é também roteirista do programa Conversa com Bial e colunista da Folha de S. Paulo.

    A LITERATURA A PARTIR DO SONHO

    com Ingrid Fagundez

    De Dostoiévski a Stephen King, passando por autores das mais diferentes tendências, incluindo os do realismo fantástico, são muitos os que usaram sonhos como matéria-prima literária. A partir da abordagem histórica, sociológica e poética do sonho, com a ajuda de textos de Freud, Sidarta Ribeiro e Jonathan Crary, e de poemas, contos e ensaios inspirados em manifestações oníricas, o curso mostra o valor das expressões do inconsciente para o escritor, especialmente o iniciante, na exploração da sua e de outras subjetividades. Por meio de exercícios práticos, os participantes podem trabalhar formas diversas de uso dos sonhos na ficção e na não ficção.

     

    19 de fevereiro

    4, 11 e 18 de março, quartas

    19h30 às 21h30

    R$ 390

     

     

    Ingrid Fagundez é formada em Jornalismo pela UFSC e pós-graduada em Biografia e Gêneros de Não Ficção pela University of East Anglia. Foi repórter da Folha de S. Paulo e do serviço brasileiro da BBC, escrevendo sobre política e comportamento. Atualmente é professora de não ficção literária da pós-graduação em formação de escritores do Instituto Vera Cruz.

    O AUTOR / ATOR – OFICINA DE ESCRITA PARA TEATRO

    com Ana Kutner

     

    Com base na experiência do monólogo Passarinho, da atriz e autora Ana Kutner, espetáculo atualmente em cartaz em São Paulo, no Teatro Eva Herz, esta oficina propõe três encontros que articulam conceitos teóricos sobre dramaturgia clássica e contemporânea e uma série de experimentos práticos de escrita para a cena com os participantes, a partir de experiências vividas, de relatos e de situações imaginárias. Voltada principalmente para estudantes de teatro, escritores e interessados na escrita de cena, cada sessão da oficina é concluída com uma reflexão compartilhada sobre o processo de trabalho.

     

    17, 18 e 19 de fevereiro

    segunda, terça e quarta

    15 às 18h

    R$ 400

     

    Ana Kutner tem longa experiência como atriz de teatro, cinema e tv (em trabalhos dirigidos por Ruy Guerra, Paulo José, Ron Daniels, Felipe Hirsch, Renato Borghi, Ulisses Cruz e outros), assistente de direção, preparadora de elenco, iluminadora e produtora. Escreveu crítica de teatro para o jornal O Globo e é autora do texto do espetáculo Passarinho, no qual também atua.

  • cursos e oficinas permanentes

    OFICINAS DE ESCRITA CRIATIVA

    com Noemi Jaffe

     

    A oficina propõe a leitura e a discussão de textos de referência em prosa, literários e teóricos, e exercícios diversos de escrita criativa, incluindo a análise crítica dos textos produzidos pelos participantes. Além disso, os participantes escrevem um ou dois contos longos durante o semestre, com acompanhamento do professor.

    novas turmas a partir de fevereiro de 2020

    ​​

    turma 1

    início em 10 de fevereiro, segundas

    20 às 22h

     

    turma 2

    início em 11 de fevereiro, terças

    10 às 12h

     

    turma 3

    início em 12 fevereiro, quartas

    10 às 12h

     

    5 parcelas de R$ 440

     

    Mais informações e inscrições pelo email

    contato@noemijaffe.com.br

     

    Noemi Jaffe é doutora em Teoria Literária pela USP, autora de, entre outros, Folha Explica Macunaíma (Publifolha, 2001), A Verdadeira História do Alfabeto (Cia. das Letras, 2012, prêmio Brasília de Literatura), O Que os Cegos Estão Sonhando? (Ed. 34, 2012 / ed. em inglês Deep Vellum, EUA, 2016), O Livro dos Começos (Cosac Naify, 2015) e Não Está Mais Aqui Quem Falou (Cia. das Letras, 2017, prêmio Biblioteca Nacional).

     

    OFICINA DE ESCRITA PARA INICIANTES

    com Flavio Cafiero

     

    Existem coisas que só saem de nós por escrito. Muita gente gostaria de escrever suas histórias, fictícias ou não, mas faltam estímulo e prática. E há aqueles que precisam escrever, mas não conseguem. Na oficina, por meio da análise de contos da literatura mundial e da proposição de exercícios de escrita criativa, o participante terá condições de soltar sua voz. Os requisitos são apenas gosto pela leitura e vontade de se aventurar.

     

    nova turma a partir de março de 2020

     

    aguarde para as datas

     

    Flavio Cafiero é autor de O Frio Aqui Fora (Cosac Naify, 2013, romance finalista dos prêmios Jabuti e São Paulo), da coletânea de contos Dez Centímetros Acima do Chão (Cosac Naify, 2014, finalista do prêmio Oceanos e ganhador dos prêmios Jabuti e Belo Horizonte) e da novela digital O Capricórnio se Aproxima (e-Galáxia, 2014) e do romance Espera Passar o Avião (Todavia, 2018).

    All Posts
    ×
    ×
    Ao acessas este site, você concorda em dividir informações de acesso, pesquisa e dados em geral para que possamos melhor atender e prestar serviços direcionados. Nós respeitamos a privacidade de seus dados! Caso haja qualquer dúvida, por favor, nos escreva: escrevedeiracontato@gmail.com
    ×
    Nós respeitamos a privacidade de seus dados! Caso haja qualquer dúvida, por favor, nos escreva: escrevedeiracontato@gmail.com